quinta-feira, 26 de março de 2009

Juíz justiceiro


Aconteceu na Florida, nos Estados Unidos da América. Um homem foi julgado e condenado a 29 anos de cadeia por violência doméstica, quando após a leitura da sentença perseguiu a própria mulher, que tinha testemunhado contra ele, com o intuito de a agredir. O juíz Ian Richards saltou da bancada e socorreu a mulher, e depois a polícia tratou do resto. O arguido é agora acusado também de resistir à detenção. Veja o vídeo da Live CNN.

2 comentários:

Paulo disse...

Fenomenal!

Anónimo disse...

Isto sim, é um juiz que não se limita a cagar sentenças do alto do seu pedestal.