segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Penico


Esta é uma imagem curiosa e muito comum em Macau. Dois senhores descansam agachados de cócoras, aqui em plena Rua Pedro Nolasco da Silva, enquanto esperam pelos amigos, pelo patrão, ou quem sabe pelos amores da sua vida. Esta posição, que carinhosamente chamo de "banquinho invisível", é muito popular entre o pessoal da China continental, e um tanto ou quanto rejeitada pela malta local, como sendo "sinal de má educação" (sabe-se lá porquê...). Entretanto se for novo em Macau e observar alguém nesta posição, resista à tentação de lhe dizer: "olhe meu amigo, não se assuste, mas roubaram-lhe o penico".

7 comentários:

Anónimo disse...

pessoal selvagem sem nível de educação

Anónimo disse...

Ó anónimo das 3:37, tenha lá calma que isto não é assim tão grave e nem é uma característica exclusivamente chinesa. É uma posição que pode ser vista por toda a Ásia e não sei por que raio há-de ser falta de educação ou, pior ainda, selvajaria. Será isto, para si, igual a andar a escarrar para o chão, furar bichas ou arrotar a plenos pulmões? Vá lá, esforce-se um bocadinho e verá que há diferenças...

Anónimo disse...

Sim, isto não é assim tão grave.
É apenas um sinal do que de muito pior que vem depois.
Para além das escarradelas e coisa e tal que o último anónimo referiu, eu acrescentaria o dedinho no nariz, o dendo mindinho com unha comprida no ouvido, o cigarrinho em tudo o que é recinto fechado ( elevadores, lojas, casas de banho, cinema, etc), falar aos berros, incluindo ao telemóvel no cinema...

Salvé a mandarínica e milenar civilização sínica!

E nós é que somos os barbaros...

Anónimo disse...

Não é selvajaria quando não se senta na mesma posição em bancos ou mesmo sanitas onde deixam os pezunhos marcados. Não que me sente em sanitas públicas (blacccc), mas sento em bancos e já vi muitos fazerem isso... enfim.

Mas sim, nada comparado, com cuspir ou arrotar. E já assisti a muitas pessoas ditas importantes que deveriam ter um pouco mais de educação e aprumo a arrotar em cerimónias!

Anónimo disse...

isto na minha terra chama-se pose de arrear o calhau.
pode não ser má educação, mas lá que dá muuuuuuito mau aspecto, lá isso dá.

samuel disse...

Sim, em termos de civismo os ocidentais batem os chineses aos palmos. Esqueceram-se do peidar quando anda na rua, o pôr os ossos da galinha em cima da mesa e o não tomar banho de manhã, porque o tomam à noite, e a gente apanha com todo aquele cheiro a cama. Mas os ocidentais "cheiram mais" do que os chineses. Um ocidental a suar, principalmente um homem, cheira mal, muito pior que um chinês. Mas o pior cheiro é o dos pretos, a "catinga".

Leocardo disse...

Vá lá, sem racismo.